sábado, 21 de maio de 2011

Resenha do filme " O oléo de Lorenzo"

Gláucia Barbosa de Negreiros ¹

O filme O óleo de Lorenzo é um filme produzido em Hollywood em 1992, dirigido por George Miller, classificado como gênero drama, foi indicado ao Oscar (EUA) em (1993) as categorias de “Melhor Atriz” (Susan Sarandon) e Melhor Roteiro Original, também foi indicado ao Globo de Ouro de 1993, a categoria de “Melhor Atriz” de Drama (Susan Sarandon), o filme de 1.35 min é baseado em uma história real, tendo como personagens principais “Augusto Odone” que é o ator Nick Nolte e “Michaela Odone” a atriz Susan Sarandon, eles vivem os personagens dos pais de Lorenzo, o menino que tinha uma doença incurável e degenerativa “ALD” que causa degeneração no cérebro. O filme traz em seu enredo importantes reflexões sobre a doença ALD e a busca pela cura desta doença rara e que não havia cura, a traves de estudos e pesquisas dos próprios pais. A historia se passa com um casal que tem um filho “Lorenzo” que levava uma vida normal até os cinco anos de idade a partir de então começaram aparecer diversos problemas de ordem mental, que são diagnosticados como ADL, uma doença rara que leva o paciente à morte em pouco tempo. Os pais do menino ficam frustrados com o fracasso dos médicos e a falta de medicamento para a doença, vendo seu único filho perder a vida aos poucos, resolvem a partir de então descobrir mais sobre a doença, e começaram uma batalha científica estudando livros de medicina e os poucos artigos científicos da época pesquisando sozinhos, na esperança de descobrir algo que possa deter o avanço da doença, tudo que pudesse ajudar na compreensão da ação desta doença e assim poder discutir com os médicos a melhor forma de tratamento para amenizar os sintomas de Lorenzo, quando eles acreditavam que haviam encontrado alguma informação relevante, procuravam médicos e professores dos cursos de medicina e discutiam com eles suas idéias, sempre buscando encontrar um tratamento que chegasse a cura um dia ou diminuísse o sofrimento de Lorenzo.
As dificuldades encontradas foram enormes, desde preconceitos de profissionais médicos e professores de universidades, por os pais de Lorenzo serem leigos na área, pois não tinham nenhuma formação superior nem em Bioquímica nem em Medicina ficavam impossibilitados da realização de testes em humanos, de tratamentos ainda não autorizados pelo Órgão que fiscaliza a saúde nos Estados Unidos), uma luta intensa para encontrar parceiros químicos com competência para produzir a fórmula dos óleos que eles acreditavam que pudessem curar Lorenzo, a doença “ ADL” se caracteriza pelo acúmulo de ácidos graxos (principalmente ácidos com 24 e 26 carbonos) sobretudo nas células do cérebro, levando à destruição da bainha de mielina, que protege determinados neurônios, sem a mielina, eles perdem a capacidade de transmitir corretamente os estímulos nervosos que fazem o cérebro funcionar normalmente e aí surgem os sintomas neurológicos da doença. O óleo de Lorenzo é uma mistura de dois ácidos graxos insaturados, o ácido oléico (C18:1) e ácido erúcico (C20:1), cujo metabolismo se acrescenta aos dos saturados, impedindo assim o seu acúmulo, para atingir a estes resultados, os pais de Lorenzo estudaram os resultados de muitas pesquisas na época, inclusive feitas em animais, eles sabiam que o óleo é tóxico para ratos, levando-os à morte, mas tiveram a coragem de testar em seu filho e divulgar ao mundo que o óleo é inofensivo aos humanos e que podia reverter e principalmente evitar os efeitos catastróficos da ADL, com o uso desse óleo, Lorenzo não voltou ao estado normal, apenas barrou a doença, e através de tratamentos, conseguiu várias melhoras, no filme não mostra quando ele morreu mais na internet diz que ele morreu aos 28 anos, segundo pesquisas ate hoje o óleo não é autorizado o uso em humanos e hoje produzido por uma companhia inglesa, e o Sr. Odone não recebe nenhuma porcentagem das vendas. Os pais de Lorenzo fundaram o “Projeto Mielina” uma fundação que tenta reunir esforços nas pesquisas sobre as doenças relacionadas. Existi também outras crianças que usaram e usam até hoje o óleo de Lorenzo, não existindo progresso da doença, nem chegando a apresentar todos os sintomas, a dedicação, fé, amor e coragem dos pais de Lorenzo não foram em vão, pois milhares de crianças são beneficiadas até hoje. Os mesmos foram homenageados por sua contribuição á ciência.
O diretor George Miller apresenta a traves deste filme um relato dos conhecimentos popular e cientifico que uma família com base religiosa, que tem fé em Deus manifestada pela esperança, traz uma filosofia de vida traduzida pela perseverança, que independente da dedução humana se baseia na pesquisa cientifica para buscar uma solução para o seu grande problema.
Um drama comovente por ser baseado em fatos reais, nos leva a uma intensa reflexão de valores pessoais, é uma lição de vida, vale a pena conhecer essa história.



 ¹ Graduanda do Curso de Letras da Universidade Estadual da Paraíba.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário